Começando em nós

Olá!

Eu estou aqui para falar sobre algo que tem me incomodado muito nos últimos dias, que é a falta da auto-avaliação em nossas vidas. Quando nós vemos algo dar errado em nossas vidas, em nossas famílias, em nossos ministérios, pensamos logo: -Alguém está em pecado! E começamos  a procurar em quem está o pecado, fazemos todo um alvoroço em busca desse alguém. Mas muitas vezes nós estamos enganados, às vezes, o pecado está em nós mesmos e não conseguimos ver, por isso que é importante  nós fazermos uma auto-avaliação, antes de nós dizermos: -“Fulano” precisa de Deus, precisamos dizer: -Eu preciso de Deus!

Será que é tão impossível assim vivermos uma vida de santidade diante do Senhor? Claro que nós temos a consciência de que somos todos pecadores, mas para Deus existe impossível? Concerteza que não. Amados, o problema não está na Palavra, o problema está em nós, em nós, que optamos em não obedecer a Palavra e quando vemos alguma coisa dar errado, colocamos logo a culpa em quem está do nosso lado.

Amados, quando eu falo que muitas vezes resolvemos não obedecer a Deus, é por experiência própria, afinal, sou ser humano como qualquer um de vocês, tenho sentimentos, tenho angústias, etc. É importante nós passarmos pelo deserto, pois só assim daremos valor ao pão(Bíblia) e à Água(Presença de Deus).

Por isso, para vermos a mudança em nossas famílias, em nossos ministérios, ela precisa começar em nós, então, quando você orar clamando por mudança no meio em que você vive, peça: -Senhor, a começar em mim.

Deus vos abençõe grandemente.

Osvaldo Nascimento.